Vai Ter Milho para o Segundo Semestre no País?

A expectativa é que os preços permaneçam firmes, sem descartar uma alta, até que a colheita de segunda safra ganhe força no país. Deveremos ter um alívio nos preços no final de maio ou começo de junho com o avanço dos trabalhos no campo, especialmente no Centro Oeste.

Devemos ter uma quebra da safrinha neste ano e os números da Conab mostram de 10% a30% de queda da produtividade. Em alguns casos, chega a 40% a 50% do previsto inicialmente. A menor oferta deverá limitar a queda dos preços com o avanço colheita.

Em abril, o mercado futuro negociava a saca de 60 kg ao redor de R$ 36 e R$ 37 para agosto e setembro. Hoje o mercado mostra a saca para setembro da ordem de R$ 43.

A maior questão para o produtor rural está na disponibilidade do produto, especialmente no segundo semestre, com toda a negociação antecipada. Veja no vídeo a nossa opinião sobre o tema.

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s